21/05/18 | 11:01
Curso Noções de Transportes e Mobilidade para servidores

Cinquenta funcionários da Superintendência Municipal de Transportes Urbanos (SMTU) participaram durante esta semana do curso Noções de Transportes e Mobilidade, que integra o programa de capacitação continuada da Escola de Serviço Público Municipal e Inclusão Socioeducacional (ESPI). O objetivo da capacitação é orientar os servidores do transporte coletivo sobre os aspectos da mobilidade urbana.

As aulas tinham como tema a Formação das Cidades, Modais Individuais e Públicos, Critérios de Seleção de um Sistema de Transporte, Plano Diretor da cidade de Manaus, dentre outros assuntos abordados em 15 horas de curso.

O curso foi ministrado pela professora Kattyline Barbosa, mestre em Engenharia de Transportes e professora da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), com ênfase em Transporte, que fala da importância do curso para os servidores da pasta. “Eles mostraram que possuem, realmente, muito conhecimento sobre o que deve ser feito. E, para colocar todos os projetos em prática, a interação entre as secretarias é necessária e primordial, além do que o trabalho com mobilidade urbana anda lado a lado com acessibilidade”.

O superintendente de Transportes Urbanos, Franclides Ribeiro, agradeceu à ESPI e à palestrante pela oportunidade de ampliar conhecimento na área específica. “Com base no aperfeiçoamento sobre o assunto e em atualizações na área, nossos projetos irão contribuir ainda mais para a melhoria do sistema e para a satisfação dos usuários”.

Para Stanley Ventilari, diretor de Fiscalização e Operações, o curso contribui para aumentar os conhecimentos em mobilidade urbana, relembrar outros, a fim de colocá-los em prática, em prol da melhoria do transporte coletivo de Manaus.

Já para Mirtes Pereira, assistente de Pesquisa e Monitoração, o curso reforça a teoria sobre a área do transporte e contribui para as ações do dia a dia. “Nós, que vamos a campo, que trabalhamos do lado operacional, encontramos uma realidade bastante diferente da teoria. A ideia é que consigamos aproximar as duas partes”, ressaltou.